Agora Motor logomarca

O que é câmbio CVT? Como funciona? Vantagens e desvantagens

O câmbio CVT é uma evolução do câmbio automático convencional e tem se popularizado nos últimos anos. Como o nome sugere, o CVT (Continuously Variable Transmission) é um tipo de transmissão que funciona de forma contínua, sem etapas definidas. Em outras palavras, a relação entre o motor e as rodas é variável, permitindo que o carro se adapte às condições do tráfego e às necessidades do motorista.

Apesar de ser uma tecnologia bastante nova, o CVT já está presente em diversos modelos de carros, tanto da linha premium quanto da linha popular. E os números só tendem a crescer, já que as montadoras estão cada vez mais apostando nesse tipo de câmbio.

Mas afinal, como funciona um câmbio CVT? Quais são as suas vantagens e desvantagens? O CVT realmente é uma evolução do câmbio automático ou apenas uma moda? Para responder a essas e outras perguntas, continue lendo este post!

Câmbio CVT com símbolo do infinito e fundo preto
Câmbio CVT. Foto: reprodução

O que é câmbio CVT?

Como já falamos, o câmbio CVT (Continuously Variable Transmission) é um tipo de transmissão que funciona de forma contínua, sem etapas definidas. A relação entre o motor e as rodas é variável, permitindo que o carro se adapte às condições do tráfego e às necessidades do motorista.

Para entender melhor como funciona esse tipo de transmissão, imagine um carro com câmbio manual. Para aumentar a velocidade, o motorista precisa trocar de marcha para diminuir a rotação do motor e assim aumentar a força que ele transmite às rodas. Já para reduzir a velocidade, o motorista precisa trocar para uma marcha também.

No câmbio CVT, essa troca de marchas não existe. A relação entre o motor e as rodas é variável, permitindo que elas se adaptem às condições do tráfego e às necessidades do motorista. Isso significa que o carro sempre estará na marcha ideal para a situação, garantindo maior economia de combustível e menor esforço do motor.

Veja ainda mais informações sobre o câmbio CVT, no Wikipédia!

Como funciona o Câmbio CVT?

O Câmbio CVT é um tipo de transmissão automática que usa uma correia ou polia para conectar os dois eixos. A polia é controlada por um conversor de torque, que regula a rotação da polia para aumentar ou diminuir a relação entre os eixos. Isso permite que o motor gire em uma faixa de RPM mais ampla, o que pode melhorar a economia de combustível.

Câmbio CVT é bom?

O Câmbio CVT pode oferecer uma condução mais suave e eficiente do que um câmbio automático convencional. No entanto, eles tendem a ser mais caros e podem exigir manutenção mais frequente. Alguns proprietários também relatam problemas com os CVTs, como ruído excessivo ou desgaste prematuro da correia ou polia.

Qual é a diferença do câmbio automático para o CVT?

Os câmbios automáticos usam um conjunto de engrenagens para selecionar as marchas, enquanto os CVTs usam uma correia ou polia. Isso significa que os CVTs podem oferecer uma condução mais suave, mas também podem ser mais caros e exigir manutenção mais frequente.

Gráfico representando a diferença entre o cambio automático e CVT
Diferença entre o câmbio automático e CVT. Foto: reprodução

Quais os problemas do câmbio CVT?

Os problemas mais comuns com os CVTs são o ruído excessivo e o desgaste prematuro da correia ou polia. Outros problemas incluem falhas no conversor de torque e vazamentos de fluido.

Qual é o melhor câmbio automático ou CVT?

Não há uma resposta certa para essa pergunta, pois ambos os tipos de transmissões têm vantagens e desvantagens. O Câmbio CVT pode oferecer uma condução mais suave e eficiente, mas é mais caro e pode exigir manutenção mais frequente. Já os câmbios automáticos são menos dispendiosos, mas podem não ser tão suaves na condução.

Quais são as vantagens do câmbio CVT?

As principais vantagens do Câmbio CVT são a economia de combustível, a condução suave e a baixa manutenção. Ele também é leve e compacto, o que pode melhorar o desempenho do seu veículo.

Veja também:

Câmbio CVT é mais econômico?

Sim. O Câmbio CVT pode ajudar seu veículo a economizar combustível, pois permite que o motor gire em uma faixa de RPM mais ampla. Isso significa que ele pode trabalhar em um regime mais baixo quando você estiver dirigindo em velocidades constantes, como nas rodovias, economizando assim combustível.

Qual é a diferença entre Câmbio Automatizado e câmbio CVT?

Os câmbios automatizados usam um conjunto de engrenagens para selecionar as marchas, enquanto os CVTs usam uma correia ou polia. Isso significa que os CVTs podem oferecer uma condução mais suave, mas também podem ser mais caros e exigir manutenção mais frequente.

Peças do veículo com câmbio CVT em fundo preto
Peças relacionadas ao câmbio CVT no veículo. Foto: reprodução

Câmbio CVT tem manutenção barata?

Não necessariamente. Embora sejam generalizados como tendo baixa manutenção, alguns proprietários relatam problemas com ruído excessivo e desgaste prematuro da correia ou polia. Esses problemas podem ser evitados com manutenções preventivas adequadas, mas podem exigir reparos caros se forem ignorados.

Quais são os Prós do Câmbio CVT?

  • Economiza combustível
  • Suave na condução
  • Baixa manutenção
  • Leve
  • Compacto

Quais são os Contras do Câmbio CVT?

  • Mais caro
  • Pode exigir manutenção mais frequente
  • Problemas relatados pelos proprietários

Como dirigir um automóvel com Câmbio CVT?

Para dirigir um carro com CVT, basta selecionar a posição de marcha desejada (geralmente D para a condução diária) e usar o acelerador para controlar a velocidade. O carro irá automaticamente mudar de marcha para manter o motor na sua faixa ideal de rotações por minuto, permitindo que você se concentre apenas na direção.

Confira ainda:

Imagem interna de um carro de luxo da BMW
Painel de um carro da BMW. Foto: Pexels

Conclusão

No artigo de hoje vimos que o CVT é um tipo de transmissão que oferece uma condução mais suave e eficiente do que os outros tipos de câmbios. Ele também pode ajudar a economizar combustível. No entanto, o CVT pode ser mais caro do que outros tipos de transmissões e pode ser menos confiável.

Você tem ou já teve um carro com câmbio CVT? Relate a sua experiência abaixo nos comentários e ajude os leitores do Agora Motor a saber se comprar um carro com câmbio CVT é uma boa! Ficou interessado? Confira valores no Mercado Livre!

Perguntas Frequentes

Carros com CVT são bem falados?

Segundo relatos de proprietários, há muitos problemas que deixam os donos desanimados e descontentes com a nova evolução, do câmbio automático, o CVT.

A manutenção do câmbio CVT é barata?

Ainda que sejam considerados baratos, em requisitos de manutenção, exigem manutenções mais frequentes e preventivas, pois caso os problemas, ruídos e demais sinais sejam ignorados, o valor pode assustar alguns donos…

Preciso mudar a marcha manualmente no câmbio CVT?

Não, a troca de marcha é feita de forma programada, conforme você acelera e desacelera o veículo, sendo uma evolução do câmbio automático, a troca de marchar não precisará ser feita pelo condutor.

Avalie este artigo

Avalie esse artigo

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.