Agora Motor logomarca

O Fiat Scudo foi revelado: conheça todos os detalhes do sucessor do Doblò

2 minutos de leitura

A Fiat se prepara para atacar o mercado comercial leve com a Scudo. A nova linha de vans e furgões da marca italiana lançou seu primeiro teaser trailer no Brasil, com data de lançamento marcada para 23 de junho.

As imagens oficiais reveladas pela Fiat mostram apenas a frente do Scudo e alguns detalhes. Montado na fábrica da Nordex no Uruguai, o modelo tem essencialmente as mesmas linhas de seus irmãos de plataforma Citroën Jumpy e Peugeot Expert, mas na frente, além do logotipo da fabricante italiana, terá grade e faróis próprios, como em outros mercados emergentes – essas marcas fazem parte do grupo Stellantis.

Guia do Conteúdo

Fiat Scudo virá em três versões

scudo
Imagem retirada do site: QuatroRodas.

A Fiat aparentemente não forneceu detalhes técnicos sobre o Scudo. Mas o que se sabe é que ele usará a mesma mecânica de seu parente de marca francesa. Ele é equipado com motor 1.5 turbodiesel BlueHDi que produz 115 cv a 3.500 rpm e torque máximo de 30,5 kgfm a 1.750 rpm. O camnio será um manual de seis velocidades.

O novo modelo será posicionado na linha Fiat abaixo do Ducato, ocupando uma lacuna deixada pelo Doblò. O Scudo estará disponível em três configurações: terá a mesma variante Vitré da linha Jumpy Expert, além da van e do ônibus fechados. São vans com janelas e sem divisórias para facilitar o veículo para diversas atividades.

Uma versão elétrica do Scudo, que acabou de fazer sua estreia global, também deve ser lançada ainda este ano. Vale lembrar que recentemente a Citroen e a Peugeot também começaram a importar opções de queima zero para veículos comerciais.

O Fiat Scudo será montado na CKD no Uruguai antes de seguir para o mercado brasileiro e também para os mercados argentino e sul-americano com os irmãos.

Baseado na plataforma modular EMP2, o Fiat Scudo deve ser movido por um turbodiesel de 1,6 litro com 115 cv a 3.500 rpm e 30 kgfm a 1.750 rpm, além de câmbio manual de seis marchas.

Com suspensão traseira semi-independente e tração dianteira, o Fiat Scudo expandirá muito o domínio da marca no mercado de veículos comerciais.

Em maio, a Fiat e duas empresas francesas detinham uma participação de mercado não inferior a 53,05% do mercado de veículos comerciais leves, enquanto a Stellantis tinha uma participação de mercado não inferior a 55,43%. Sem falar na RAM, que aumentará para 55,95% de participação de mercado.

Acesse o Agora Motor e conheça mais notícias.

Avalie este artigo

Avalie esse artigo

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *