Agora Motor logomarca

Carro da equipe Red Bull terá redução de peso para se manter no topo e brigando por título

3 minutos de leitura

O carro da temporada 2022 da equipe Red Bull na Fórmula 1 batizado de RB18 passará por rigorosa “dieta” e ficará mais em forma após a equipe ter problemas nas primeiras corridas da temporada de 2022. Helmut Marko diz que não será possível se manter no topo sem a redução de peso e querer conquistar títulos na temporada sem ajustes será “milagre”.

Convicto que a equipe Red Bull brigará por títulos ainda este ano, o chefe de equipe diz que o projeto é resolver o problema ainda em Abril e “começar” a brigar por polis e vencer algumas corridas.

Guia do Conteúdo

Cirurgia de redução de peso

O chefe de equipe diz que muitas pessoas estão envolvidas no projeto “dieta”. E para isso o plano está traçado.

“Podemos assumir isso”, afirmou Marko ao Motorsport.com. “Concordo que a Ferrari é um pouco mais leve que a equipe Red Bull e a Mercedes. Ainda não posso confirmar quando traremos uma versão mais leve para a pista, hoje é muito difícil tirar o peso de um carro porque há restrições de limite de orçamento a serem sempre lembradas, você precisa encontrar o foco certo.”

equipe red bull
Foto: Reprodução

“Uma coisa é certa: não será possível ficar nas posições de liderança nesta temporada com um carro acima do peso.”

Marko é um dos que pensa que a Alfa Romeo é o único monolugar atualmente abaixo do peso mínimo:

“Pela informação que temos e sobretudo pela veemência com que lutaram contra o aumento do peso mínimo, é seguro supor que sim. Presumivelmente, eles também têm uma distância entre eixos mais curta, mas não posso confirmar isso. Digamos que, junto à competitividade do motor Ferrari, seu peso explica o desempenho que estamos vendo.”

Para os tempos difíceis que a Mercedes está passando, Marko está convencido de que a equipe pode mais uma vez lutar pela vitória, mas deve fazê-lo sem esperar que tenha anos de supremacia no motor.

“A era híbrida foi condicionada pela superioridade de sua unidade de potência”, disse ele. “Inicialmente, acho que eles eram dois segundos mais rápidos, mas mantiveram tudo em segredo. Hoje, as diferenças entre os motores não são tão grandes, e as equipes movidas a Mercedes não podem mais girar um botão e resolver seus problemas.”

“No entanto, a Mercedes também é composta por pessoas de alto nível na área de chassi, e estou totalmente convencido de que eles voltarão à batalha pela vitória quando conseguirem manter o porpoising sob controle. Hamilton está apenas nove pontos atrás de Verstappen.”

A equipe Red Bull sempre esteve brigando pelas primeiras colocações e não será este problema que causará resultados contrários.

Antes de ir embora, vote na nossa enquete e diga quem você acha que será o piloto campeão da F1 em 2022:

Quem você acha que será o campeão da Fórmula 1 em 2022?

Deixe a sua opinião na área de comentários do Agora Motor sobre isso!

Avalie este artigo

Avalie esse artigo

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *