Agora Motor logomarca

Tesla testa bateria elétrica de 100 anos de duração: veja como chegar nessa vida útil

Usando a bateria de níquel em condições ideais, pesquisadores indicam que a duração da bateria pode atingir os 100 anos. Esta informação foi divulgada pela equipe de pesquisadores da montadora Tesla que se mostraram animados para esta possibilidade. O que pode gerar economia de materiais, menos descarte e maior eficiência energética.

Jeff Dahn (professor do Departamento de Física e Ciências Atmosféricas e do Departamento de Química) e sua equipe de pesquisadores na Universidade Dalhousie em Halifax, Canadá. São os principais responsáveis pela elaboração da pesquisa de bateria elétrica com potencial de aguentar 1 milhão de quilômetros.

Guia do Conteúdo

Bateria elétrica de longa duração

O professor Jeff Dahn publicou um artigo no qual explicava que a bateria pode durar 100 anos, não 1 milhão de quilômetros! A ideia básica é prolongar ao máximo a vida útil da bateria elétrica e aumentar a densidade de energia. É claro que, para que tais baterias sejam comercializadas, os custos também devem ser reduzidos ou mantidos o mais baixo possível.

Em um artigo publicado no Journal of the Electrochemical Society, Jeff Dahn e o pesquisador Michael Metzger explicam em detalhes como sua equipe chegou a uma conclusão tão surpreendente.

O artigo explica que as baterias à base de níquel podem durar até um século se colocadas nas condições certas (temperaturas não superiores a 25°). Eles também explicam que a química usada é comparável às baterias LFP, mas com maior densidade de energia.

A equipe de pesquisa publicou vários artigos sobre pesquisa de baterias e solicitou várias patentes para isso. A Tesla parece feliz com seu trabalho, e é por isso que o fabricante estendeu a parceria até 2026 (a Tesla Advanced Battery Research existe desde 2016).

Interesse de Outras Montadoras

Atualmente, um dos modelos que oferece maior autonomia no mercado europeu é o Mercedes-Benz EQS, que segundo o ciclo WLTP tem uma autonomia de pouco mais de 700 km.

Os fabricantes também estão trabalhando para prolongar a vida útil da bateria. Mas, ao contrário da Tesla, a Mercedes está mais interessada em melhorar a aerodinâmica, como demonstra o conceito EQXX.

Outras montadoras sinalizaram interesse neste tipo de equipamentos, o foco principal de cada montadora tende a ser a colaboração de diminuição de emissão de gases nocivos e contribuir com a diminuição de materiais não renováveis.

Tesla testando bateria
Foto: reprodução.

Acesse o Agora Motor e conheça todas as novidades, atualizações e tudo que acontece no mundo dos motores, no Brasil e no Mundo. Acesse agora mesmo.

Avalie este artigo

Avalie esse artigo

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Honda Accord 2023: Preço, Versões, Equipamentos e Consumo Conheça o Ford Everest 2023, o suv da Ranger que é cogitado no Brasil Veja a nova Triumph Street Twin 900 2022: Valor, Motor e informações Galeria de fotos do novo Toyota Yaris 2023: Preço, Motor e Consumo Conheça o Toyota Prius 2023: Preço, Autonomia, Itens e Fotos
Honda Accord 2023: Preço, Versões, Equipamentos e Consumo Conheça o Ford Everest 2023, o suv da Ranger que é cogitado no Brasil Veja a nova Triumph Street Twin 900 2022: Valor, Motor e informações Galeria de fotos do novo Toyota Yaris 2023: Preço, Motor e Consumo Conheça o Toyota Prius 2023: Preço, Autonomia, Itens e Fotos