Agora Motor logomarca

Voltz sai na frente e firma parceria com locadora para contar com motos por assinatura

2 minutos de leitura

Enquanto enfrenta gargalos para atender à alta demanda, a Voltz Motors se prepara para inaugurar sua linha de montagem em Manaus (AM) e trabalha simultaneamente para expandir a rede de concessionárias pelo país. 

A startup também trabalha com o projeto piloto que inclui vendas de motos elétricas em um plano de assinatura para utilização.

Ao longo do início do ano de 2022, o app de entrega de comida iFood vai cadastrar os entregadores interessados em comprar motos elétricas. A empresa irá oferecer a eles um modelo exclusivo em parceria com a fabricante brasileira Voltz. 

Ela diz também que quem aderir ao novo modal irá ganhar descontos e facilidades no financiamento, incluindo taxas mais baixas.

A previsão é que, até o final de 2022, cerca de 10 mil motos elétricas da parceria com a Voltz estejam nas ruas, o que poderá evitar a emissão de até 30 mil toneladas de CO2. O objetivo da companhia é ter 50% de entregas limpas até 2025, esforço que já existe por meio do investimento em motos elétricas.

Guia do Conteúdo

Parceria com locadora

O projeto de parceria com a locadora Unidas começou neste início de Março de 2022, com 50 unidades em São Paulo e Recife, mas a ideia é que o serviço se expanda para o restante do país ainda este ano.

parceria com locadora
Entregadores do iFood já podem alugar a sua moto elétrica. Foto: Reprodução

Estão disponíveis três planos, 18, 24 ou 30 meses, com investimento inicial de R$ 650 por mês. Esse valor inclui custos como documentação (registro, IPVA e licenciamento), manutenção preventiva, cobertura de sinistros, assistência 24 horas e pontos de recarga na loja da locadora.

“Essa parceria evidencia que, cada vez mais, a Voltz tem se consolidado como o principal player brasileiro de mobilidade elétrica em duas rodas”, afirma Renato Villar, CEO da fabricante. “Além disso, mostra o crescente interesse das empresas e da sociedade em migrarem para os veículos elétricos que, inegavelmente, já representam o futuro do transporte”, completou.

O modelo que mais está sendo vendido e é o modelo oferecido na parceria é o EV1, o modelo conta com 180 km de condução autônoma, a velocidade final pode atingir 75 km/h e carregar em até 5 horas.

“Considerando estimativas de autonomia para a versão com duas baterias, o gasto para rodar até 20 km é de apenas 30 centavos”, explica Villar.

Os usuários estão otimistas para esta nova fase, onde a economia é o principal atrativo para as partes.

Quer ver mais novidades relacionadas ao mundo dos motores? Acesse o Agora Motor e fique por dentro das principais notícias.

Avalie este artigo

Avalie esse artigo

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *